Os efeitos das desigualdades: bem-estar, população e ambiente no início do século XXI. Resenha de Dorling, D. (2017). The Equality Effect: Improving Life for Everyone. Oxford, United Kingdom: New Internationalist Publications Ltd., 240 pp.
PDF
ePUB
XML
View Counter: Resumen | 0 | times, Article PDF |

Cómo citar

Villela, R., & Marques, C. (2019). Os efeitos das desigualdades: bem-estar, população e ambiente no início do século XXI. Resenha de Dorling, D. (2017). The Equality Effect: Improving Life for Everyone. Oxford, United Kingdom: New Internationalist Publications Ltd., 240 pp. Revista Latinoamericana De Población, 14(27). Recuperado a partir de http://revistarelap.org/index.php/relap/article/view/246

Resumen

As manifestações sociais ocorridas em junho de 2013 no Brasil e as manifestações em curso no Chile em 2019 foram e continuam sendo explicadas a partir de fenômenos diversos. Insatisfação com serviços públicos, participação massiva de estudantes e centralidade da discussão sobre transporte público são alguns dos elementos em comuns. Adicionalmente, um dos temas que tem sido ressaltado é a persistência da desigualdade nesses países, a despeito dos avanços econômicos ocorridos durante as últimas décadas. Se publicamente a redução das desigualdades é um dos principais desafios contemporâneos, com lugar central em diversas constituições modernas e constituindo um dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, o ODS-10, em termos gerais, apesar da redução da extrema pobreza no mundo durante o período recente, as desigualdades de renda e de riqueza entre os mais ricos e os mais pobres ainda persistem, tanto em nações desenvolvidas como nas menos desenvolvidas. Nesse caso, a crise financeira de 2008 inaugurou uma nova era de aumento das desigualdades em algumas das economias mais avançadas, com destaque para os Estados Unidos e o Reino Unido.

PDF
ePUB
XML
Derechos de autor 2020 Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0) | Revista Latinoamericana de Población |Raphael Villela, César Marques