O caminho da saúde sexual e reprodutiva na América Latina: uma análise temporal de indicadores para cinco países da Região
PDF
ePUB
XML
View Counter: Resumen | 0 | times, Article PDF |

Cómo citar

de Oliveira Bonifácio, G. M., & Rodriguez Wong, L. L. (2020). O caminho da saúde sexual e reprodutiva na América Latina: uma análise temporal de indicadores para cinco países da Região. Revista Latinoamericana De Población, 15(29), 5-29. Recuperado a partir de http://revistarelap.org/index.php/relap/article/view/275

Resumen

Apresenta-se a evolução do padrão reprodutivo de diferentes países da América Latina com níveis de fecundidade distintos, procurando entender se a Região está tornando-se mais homogênea em termos de comportamento reprodutivo. Utilizam-se como indicadores desse padrão: proporção de mulheres sem filhos, idade mediana à primeira união e ao ter o primeiro filho e presença de filho ao usar contracepção pela primeira vez. Os dados provêm de pesquisas sobre saúde reprodutiva de Brasil, Colômbia, El Salvador, Peru, e República Dominicana em três pontos no tempo: décadas de 80 e 90 e início dos anos 2000 segundo idade e escolaridade. Os resultados mostram que as diferenças estão diminuindo entre os países com a proximidade dos níveis de fecundidade, mas ainda permanecem brechas por escolaridade que sugerem ampliar-se dentro dos países. Os resultados oferecem importantes insumos para entender os trajetos delineados por diferentes gerações nos países da Região no que se refere ao padrão reprodutivo.

PDF
ePUB
XML
Derechos de autor 2021 Attribution-NonCommercial 4.0 International (CC BY-NC 4.0) | Revista Latinoamericana de Población |Gabriela Marise de Oliveira Bonifácio, Laura Lídia Rodriguez Wong