O comportamento da idade média à união e ao casamento no Brasil em 2000 e 2010
XML
PDF
ePUB
View Counter: Resumen | 0 | times, Article PDF |

Cómo citar

Melo Vieira, J., & Correia Alves, L. (2016). O comportamento da idade média à união e ao casamento no Brasil em 2000 e 2010. Revista Latinoamericana De Población, 10(19), 107-126. https://doi.org/10.31406/relap2016.v10.i2.n19.5

Resumen

O objetivo deste trabalho é comparar o que aqui denominamos idade média à união (SMAU) e a idade média ao casamento (SMAM) de mulheres e homens nas 27 unidades federativas brasileiras (26 estados e o distrito federal) em 2000 e 2010. Exploram-se possíveis associações entre estas idades médias e três dimensões: disponibilidade de parceiros do sexo oposto; factibilidade do casamento; e possíveis mudanças na apreciação do casamento como valor. A idade média à união de qualquer tipo (SMAU) está mais associada à disponibilidade de parceiros, enquanto a SMAM mostra estar mais relacionada a variáveis socioeconômicas do que a smau. Situações de maior desvantagem socioeconômica estão associadas a maior idade média ao casamento (união formal). Mudanças na apreciação do casamento como valor são difíceis de serem apreendidas, pois as variáveis disponíveis não são as ideais. No entanto, a razão de sexo da população ocupada e a proporção de homens e mulheres com curso superior nas áreas geográficas em análise foram utilizadas como proxies de diferenças na esfera dos valores.

https://doi.org/10.31406/relap2016.v10.i2.n19.5
XML
PDF
ePUB
Derechos de autor 2016 Revista Latinoamericana de Población